Sul da Ilha – Floripa

No Sul da Ilha de Florianópolis não faltam opções de praias, passeios e gastronomia. O mar é mais agitado, as areias mais densas e menos povoadas. A região é menos urbana e mais preservada onde a natureza predomina. Nesta região temos a praia do Campeche como a mais frequentada. Sua grande faixa de areia, seu mar aberto com água gelada e ondas (principalmente em dias de vento sul, comum nas praias do Sul da Ilha) são um convite aos surfistas.

Nesta praia também se localiza o e o Point do Riozinho onde jovens se reúnem para curtir a praia, praticar esportes, ouvir música e beber uma gelada com os amigos e a paradisíaca Ilha do Campeche (que em minha opinião é o lugar mais bonito da Ilha) ideal para mergulhos, visitação a sítios arqueológicos e trilhas. Para Chegar até a Ilha existem três opções (preços referentes a março/2016): Saindo da praia do Campeche (com botes – 10 minutos por R$100,00), saindo da praia da Armação (barcos – 40 min por R$70,00) e saindo da Barra da Lagoa (barcos – 1h30min por R$120,00). Eu particularmente acho a saída da Armação a que possui melhor estrutura, além de ser mais barato e o passeio de barco ser bem bonito.

Uma misteriosa historia envolvendo o Campeche e até hoje discutida, refere-se a um visitante ilustre, o escritor e aviador francês Saint-Exupéry (ou Zé Perri para seus amigos pescadores da Ilha), que ficou famoso por escrever o livro “O Pequeno Príncipe” e que supostamente visitara a Ilha entre 1929 e 1931. Sua base foi o Campeche ou Champ et Pêche – Campo de Pesca em Francês e a principal avenida do bairro acabou sendo nomeada em sua homenagem: Avenida Pequeno Príncipe.

Ainda no Sul da Ilha temos destaque para a Praia do Morro das Pedras e seu Mirante junto à Casa de Retiros Vila Fátima e a Lagoa da Peri, com 20km² é a maior lagoa 100% de água doce potável da costa catarinense e onde existe uma área de reserva biológica (com animais e vegetais) e uma área cultural, onde estão os assentamentos dos primeiros colonizadores açorianos com engenhos de farinha e cana de açúcar.

12
Morro das Pedras e seu mirante junto à Casa de Retiros Vila Fátima

Mais ao sul tem a Praia da Armação uma das mais antigas colônias de pescadores da ilha com um trapiche cheio de charme e que faz divisa com a pequena Praia do Matadeiro, onde a natureza caprichou e por isso a minha preferida. Seguindo temos a Praia do Pântano do Sul, com mar aberto, água gelada e um restaurante bem peculiar tradicional, o Bar do Arante. Em seguida a Praia dos Açores e a deserta Praia da Solidão.

Para os amantes de trekking, é no Sul da Ilha de Florianópolis que as melhores trilhas se encontram e são ideais para o esporte nos presenteando com exuberantes paisagens em meio a Mata Atlântica. Temos como opção a Praia da Lagoinha do Leste (ou Lagoinha, como é carinhosamente chamada pelos ilhéus) e para chegar lá apenas por meio de barco ou trilha, que é considerada difícil e dura em torno de 3 horas. E também a Praia de Naufragados (nome dado devido ao naufrágio de duas embarcações de médio porte usadas pelos portugueses) esta com uma caminhada considerada fácil e uma duração de 1 hora.

Ainda no Sul da Ilha de Florianópolis temos a Rota Gastronômica do Ribeirão da Ilha. Ribeirão da Ilha é junto com Santo Antônio de Lisboa considerado um dos poucos lugares do litoral de Santa Catarina, que preserva os traços da colonização portuguesa (especialmente dos Açores). Por lá existem inúmeros sítios de maricultura e o local se tornou o maior produtor nacional de ostras.

Outro molusco muito conhecido na Ilha é o berbigão e os dois principais locais de extração deste molusco ficam no Sul da Ilha nos bairros da Tapera e da Costeira do Pirajubaé (RESEX Pirajubaé é a primeira reserva extrativista marinha do Brasil, sendo considerada como área de preservação permanente).

É também no SUL da Ilha que se encontra o Aeroporto Internacional de Florianópolis ou Aeroporto Hercílio Luz e o Estádio da Ressacada, pertencente ao Avaí Futebol Clube popularmente conhecido como Leão da Ilha.

Veja abaixo alguns locais recomendados por mim no sul da Ilha de Florianópolis:

 

COMER & BEBER 

Pântano do Sul

  • Bar do Arante | Peixe e Frutos do Mar | Rua Abelardo Otacílio Gomes, 254 | Pântano Do Sul

Rio Tavares

  • Natú | Natural e vegetariana | Servidão Aguiar, 41 | Rio Tavares
  • Só Açaí  | Açaí | Rua Dr. Luiz Moura Gonzaga, 2265 | Rio Tavares

Campeche

Rota Gastronômica do Ribeirão da Ilha:

  • Ostradamus | Peixe e Frutos do Mar | Rod. Baldicero Filomeno, 7640| Freguesia do Ribeirão da Ilha
  • Porto do Contrato | Peixe e Frutos do Mar | Rod. Baldicero Filomeno, 5544 | Freguesia do Ribeirão da Ilha
  • Rancho Açoriano | Peixe e Frutos do Mar | Rod. Baldicero Filomeno, 5634 | Freguesia do Ribeirão da Ilha

 

DESCANSAR & HOSPEDAGEM   

Campeche

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “Sul da Ilha – Floripa

Deixe sugestões e/ou comentários :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s